Avatar rolf_muller

Foto: Antigua, Guatemala

Como você se trata? - parte 1


Você é do tipo de pessoa que anda com um chicote invisível, pronto para se autoflagelar cada vez em que erra o rumo ou não atinge a sua meta? Quando fracassa, você acha que tudo somente dependia de você, e quando obtêm sucesso, "foi pura sorte"? Esse mau hábito de ficar fazendo análises internas, DURAS E INFLEXÍVEIS, aumenta a insatisfação consigo mesmo. Como você pretende se tornar um ser humano mais seguro e com uma auto-estima elevando, se tratando desse jeito?

A vida de um perfeccionista é uma competição destrutiva interminável. A mentalidade de tudo-ou-nada transforma cada contratempo sofrido numa catástrofe. Se tudo precisa ser perfeito, é provável que nada serve, porque a gente vive em mundo, que não é perfeito, cheio de pessoas imperfeitas. Porque então não se contentar com o "bom"? Porque essa busca implacável pelo impossível, como se a sua vida tinha que ser que nem os filmes de propaganda? O que falta para você começar a valorizar tudo aquilo que tem, ao invés de sofrer por aquilo que não tem?

"Os males de que padece o ser humano, em seu maior número, vêm dele mesmo." Plínio




On September 14 2012 at Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brazil 872 Views



Avatar lua_e_viola

Lua_e_viola On 01/01/2015

Rolf! Que pena que você sumiu do fotolog... Depois de um tempo fora, vi o quanto esse espaço é bom e leve... Conheci pessoas incríveis por aqui.

Abraços (se um dia aparecer)


Avatar lua_e_viola

Lua_e_viola On 05/02/2013

Rolf! Quanto tempo, meu amigo. (desculpe-me se o trato com essa intimidade (rs), são tempos de amizade virtual).

Senti saudades dos seus textos terrivelmente sinceros e corretos. Esse, por exemplo, serve para a minha filha, e eu sempre comento sobre o quanto ela se cobra.

Se você ainda aparecer por aqui.

Um grande abraço,


Avatar ruthy_martins

Ruthy_martins On 10/10/2012

Olá, tinha perdido minha senha, acredita...rs
beijos


Avatar rolf_muller

Rolf_muller On 14/09/2012

O maior desejo do ser humano é de ser aceito. O maior medo é de ser rejeitado. Como você vai esperar que alguém te aceite, se nem você se aceita? Somente pelo fato de não ser perfeito? Ao mesmo tempo que não quer ser rejeitado, você mesmo rejeita tudo aquilo que faz ou é de bom! Percebe a incoerência? Ela vai ser um grande gerador de insatisfação que no final de tudo leva à infelicidade, que tanto tenta evitar.

É preciso se tratar melhor, assim os outros vão te tratar melhor também! Somos tão tolos que nos importamos com a opinião daqueles que nada importam para a gente. Quantas vezes já sentiu vergonha de algo que fez no meio de pessoas desconhecidos, que nunca mais vai encontrar na vida? E você gasta energia com isso, se preocupando o que vão sair pensar de você?

Podemos resignificar os erros, não é preciso tirar uma lição de moral de tudo, e nem se cruxificar por conta disso. Erros acontecem, eles são "apenas" experiências de aprendizagem. Muitas vezes eles são uma grande ajuda, pois fixam muito mais o conteúdo que deve ser aprendido. Porque se martirizar por erros cometidos então? É somente um erro, nem mais e nem menos. Não é o fim do mundo! Gaste a sua energia no aprendizagem, ao invés de gastá-la na geração de uma culpa inútil.


Avatar rolf_muller

Rolf_muller On 14/09/2012

Nossa energia é limitada. Se você colocar o foco no resultado, faltará energia no processo. Vamos supor que você estude para um concurso. Se estiver obcecado demais com o resultado, é provável que a qualidade do seu estudo não seja eficiente, porque não consegue se concentrar, por medo de não passar. Mas você somente controla aquilo que pode fazer (estudar), isso aumentará as chances de lograr. Ao mesmo tempo, é claro, isso não garante o resultado.

O problema do perfeccionista é justamente esse: ele quer influencia o resultado, antes de ter concluído o processo. Essa obsessão pelo resultado provávelmente te fará sofrer durante o caminho da preparação, porque você mesmo coloca uma pressão insuportável em cima de você mesmo. Você difícilmente trataria uma outra pessoa de maneira tão cruel como trata a si mesmo. Não devemos viver a nossa vida somente em função do resultado, porque isso torna muito provável, que você sofra constantemente com coisas, sobre quais não tem controle. É certo que uma pessoa perfeccionista sofre muita mais do que o necessário. Faça apenas aquilo que te é possível. Coloque seu foco e sua força nisso, esse é um investimento mais seguro!

- à continuar –




rolf_muller

Favorite rolf_muller

male - 05/04/1966 (52 years old)
2254 Photos
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brazil




Flash of rolf_muller

  • sspohr
  • annelisekersten


Tag - Tattoo
Loading ...