Avatar joman1

Este ano é o 50 aniversário da morte do poeta José Lopes

José Lopes da Silva, nasc. a 15 de Janeiro de 1872, nat. da Vila Ribeira Brava, I. de S. Nicolau e fal. a 02 de Setembro de 1962 na cidade do Mindelo, ilha de S. Vicente. A casa paterna onde nasceu foi depois adquirida pelo Estado e transformada no edifício da câmara municipal da ilha. Aprendeu a ler com o cónego Machado e foi aluno do cónego Joaquim da Silva Caetano no Seminário-Liceu da Ilha de S. Nicolau onde estudou de 1882 a 1887 e cujo curso completou. Neste estabelecimento foi colega, entre outros, de Joaquim Abreu, Marino Barbosa Vicente, Rodrigo Vera-Cruz, Simão José Barbosa (pai do poeta Jorge Vera-Cruz Barbosa), José António dos Santos (futuro cónego) e Manuel Baltasar de Sousa. Era um autodidacta e estudioso tendo aprendido por si mesmo a língua inglesa. Na sua juventude privou na sua ilha natal com poetas e intelectuais como Custódio José Duarte e Alfredo Troni. Embora ainda jovem o seu génio não passou despercebido aos seus conterrâneos e foi João Simões Afra quem, em 1888, o apresentou na imprensa, contava ele então apenas 16 anos, e o Dr. João Augusto Martins, que o incluiu entre os filhos ilustres de Cabo Verde, escreveu sobre ele, ainda em 1891, quando ele tinha apenas 19 anos: “… esse carácter vago açoutado pelas inclemências da sorte e em cujo olhar de agonia faíscam como lampejos de uma luz divina, os raios duma ironia cáustica” .

Esta biografia que é retirada da genealogia que tenho em preparação.

Joman




On September 24 2012 at Macau, Macau 7420 Views



Avatar gglove12

Gglove12 On 10/04/2013

Hello dearest
How are you doing?I am Flora by name. It is privilege to contact you .I will like you to contact me.I will ike to have you as friend ( [email protected] )
I have very important issue i need to discuss with you i hope to travel to your country .
Kindly reply OK.
thanks Flora .


Avatar gglove12

Gglove12 On 10/04/2013

Hello dearest
How are you doing?I am Flora by name. It is privilege to contact you .I will like you to contact me.I will ike to have you as friend ( [email protected] )
I have very important issue i need to discuss with you i hope to travel to your country .
Kindly reply OK.
thanks Flora .


Avatar 40_amelia

40_amelia On 25/09/2012

Antes de mais nada estou muito contente por ver o João Manuel no nosso convivio. Só hoje consegui ver a foto pois o fotolog anda completamente louco. Vejo-me e desejo-me para cá entrar.

Parabens João Manuel pelo que nos conta sobre o noso grande poeta José Lopes.

Ainda bem que temos alguém que se mde homenagear e falar da nossa geração de ouro que desapareceu.

Parabens pelo artigo e foi uma grande alegria ver-te. Beijinhos


Avatar marcoslsmiranda

marcoslsmiranda On 16/11/2014

Sra Amélia

Meu nome é Marcos e sou bisneto do Poeta José Lopes da Silva, resido no Brasil, Rio de Janeiro, e estou a busca de informações sobre ele e seus ancestrais.

Agradeço dedes já se puder receber vossa ajuda.

[email protected]


Avatar valdas

Valdas On 25/09/2012

Em qualquer pais civilizado os Mestres antigos sempre são referências. Quem tem um mínimo de bom senso respeita Virgílio, Victor Hugo, Camões, e tantos outros, pelo espólio que deixaram pela eternidade, situando cada um no seu contexto.

Quem ousa contestar José Lopes é vaidoso, míope com falta de humildade.


Avatar joman1

Joman1 On 24/09/2012

Autor incompreendido, ao longo dos tempos a sua obra tem sido atacada por detractores que não procuram entendê-lo. Em sua defesa, transcrevemos aqui o que sobre ele escreveu João Mariano, em 1960, no Boletim Cabo Verde:
“A poesia de José Lopes tem sido discutida por alguns novos poetas em termos que, se não denotam certa injustiça, revelam, a meu ver, ignorância das circunstâncias históricas e culturais que condicionaram a concepção e a realização dessa poesia, circunstâncias, direi mais, que explicam toda a poesia anterior ao movimento da revista “Claridade”.
Ora sabemos que cada época histórica cria uma certa mentalidade que lhe é adequada, e dessa mentalidade não podem fugir os próprios artistas.
Cada época sugere determinadas expressões e determinadas fórmulas que lhe são próprias. ...
Parece-me que exigir de José Lopes uma mensagem poética essencialmente diferente da que ele nos deu, seria tão absurdo como exigir que os homens do século XV andassem de avião. O que interessa a meu ver, é averiguar em que medida pode José Lopes libertar-se das fórmulas e dos esquemas que a sua época lhe impôs e em que medida pôde contaminar essas fórmulas e esses esquemas com algo de pessoal e de próprio. ...


Avatar marcoslsmiranda

marcoslsmiranda On 15/11/2014

Joman1

Gostaria de fazer contato para obter algumas informações. É possível?

Grato

[email protected]




joman1

Favorite joman1

male - 10/08
321 Photos
Macau, Macau, Macau





Tag - Style
Loading ...