Avatar 7_flordemanaca

Da Severa em voz saudosa, da guitarra a soluçar

*
*


Ai Mouraria
da velha Rua da Palma,
onde eu um dia
deixei presa a minha alma,
por ter passado
mesmo a meu lado
certo fadista
de cor morena,
boca pequena
e olhar trocista.

Ai Mouraria
do homem do meu encanto
que me mentia,
mas que eu adorava tanto.
Amor que o vento,
como um lamento,
levou consigo,
mais que inda agora
a toda a hora
trago comigo.

Ai Mouraria
dos rouxinóis nos beirais,
dos vestidos cor-de-rosa,
dos pregões tradicionais.
Ai Mouraria
das procissões a passar,
da Severa em voz saudosa,
da guitarra a soluçar.


Desde menina ouvia falar da Mouraria e, em 1992 estive lá, na Rua da Palma, desci ruas ladeadas de sobrados com janelas embelezada por vasinhos de flores e roupas que dançavam ao vento; vi uma velhinha debruçada em uma delas , com o olhar além de si, além de tudo, talvez nela mesma quando menina , ali, naquela casa. Vi velhos jogando cartas e dominó sob uma grande árvore perto de uma murada à moda das construções antigas. Desliguei-me de tudo, senti o vento da tarde que ia-se despedindo e comecei a cantar baixinho este Fado. E desatei a chorar, pela beleza do caminhar da vida, pela alegria de uma recordação musical, pelo sonho de conhecer a Mouraria. Ai, Mouraria onde eu um dia deixei-me presa a seus encantos...


Mouraria arauitetura simbolo encantamento saudade fadista Amália

On June 30 2012 at Bahia, Brazil 84 Views



Avatar xampy

Xampy On 01/07/2012

Que lindo texto, Yara!
Me emocionou.

Beijos e ótima semana para você!


Avatar nitusk

Nitusk On 01/07/2012

Yara, o teu relato deixou-me saudosa de um tempo que passei em Lisboa e tive oportunidade de ir assistir a uma noite de fados. Foi maravilhoso! Aqui, de vez em quando, assisto pela TV portuguesa Internacional, noites de fados. Amalia foi o maximo!
Bom resto de Domingo.


Avatar pingos_deluz

Pingos_deluz On 30/06/2012

Amo Amália
Amo Fado
Amo a guitarra fadista
Amo as Casas do Fado
Silêncio, vai ser cantado o Fado!

*

não ponho freios no que é preciso dizer
dispenso as razões pobres em argumentos,
os motivos fracos e descabidos.
Detesto “mais ou menos”
“vamos aguardar” então, não suporto
Nem vem com respostas inexistentes
que não posso sequer ouvir, ver, tocar,
saborear , cheirar.
Sou exigente.
Preciso acreditar
não sou de ampliar vazios.
Este é o meu Fado

beijo!!
para todos


Avatar docemarisa

Docemarisa On 30/06/2012

sabe yara,lendo esse fado retornei a infancia sem fazer nenhum sacrificio e fiquei deveras emocionada,pois lembro do meu pai al lado da *radiola* ouvindo Amalia
Rodrigues e eu so pensando em minha boneca ficava penteando seus cabelos e
ouvindo o fado e sua famosa Mouraria que eu tambem queria conhecer,mas isso
nunca aconteceu.Imagino sua emocao e o bom disso tudo e que vc realizou um dos seus sonhos.

Tentei entrar no teu site,mas nao consegui!

bjosssssssssss


Avatar 7_flordemanaca

7_flordemanaca On 30/06/2012

Bom dia para todos! com fado e Amália.

Se desejarem, visitem meu site e vejam a crônica que acabo de escrever.

http://www.recantodasletras.com.br/cronicas/3752604

Paz e bem





Tag - Amor
Loading ...