Avatar lillyxavier_

35° dia: alguma habilidade

Algo aconteceu, e não sei bem se devo ou não me sentir feliz por isso. Até por que não é nada muito decisivo.
Eu e meus pais acabamos de sair da mesa da cozinha, que também é nossa mesa de reunião, conversamos um pouco sobre toda essa situação que estamos passando, e minha mãe decidiu dar uma ultima chance pra ele.
Não expliquei muito bem nossa situação no desafio em que comentei sobre a separação. Mas o que se passa é o seguinte, há alguns anos meu pai era viciado em jogos e bebidas, e passava noites fora de casa se acabando com isso, voltava pra casa sem dinheiro e sem dignidade nenhuma.Sempre faltou comida em casa naquela época, e eu, bebê, chorava com fome, por isso minha mãe tinha que pedir dinheiro e comida na casa de nossos vizinhos, que graças a Deus nos adoram até hoje, agradeço muito a eles por tudo. Morávamos em SBC nessa época, até que meu pai gastou todo o dinheiro que tinha guardado para pagar o apartamento que morávamos, era nosso, e fomos despejados. Viemos morar na capital de SP e por um tempo meu pai aquietou os vícios dele, continuo bebendo, mas melhorou muito na questão de jogos. Comprou um carro, mobiliou a casa com móveis novos e nossa relação melhorou. Um tem depois, meu avô sofreu um acidente no apartamento dele e teve que vir morar conosco, pois ficou sem condições de morar sozinho. E assim nos mudamos novamente para um bairro próximo, numa casa maior, com quartos e espaço para todos. Continua nos comentários...


desafiodos50dias

On August 03 2014 at Brazil 20 Views



Avatar lillyxavier_

Lillyxavier_ On 04/08/2014

E por um tempo tudo foi uma maravilha, meu pai largou as bebidas e os jogos e passou a se dedicar a família... Até há alguns meses quando tudo voltou a ser como era antes, muitas bebedeiras, muito dinheiro gasto, muitas brigas e tudo o mais. E quando estourou eu e minha mãe passamos a procurar algum lugar para eu e ela irmos morar sozinhas, mas ela ganha muito pouco e isso me prejudicaria muito, na questão de saúde e estudos.
Por isso, há uma hora nos reunimos e colocamos as cartas nas mesas, meu pai nos pediu desculpas e disse que iria melhorar e minha mãe decidiu dá-lo uma ultima chance, deixando bem claro que essa seria a ultima.
Tô um tanto feliz e triste por isso, afinal, vício é vício e temos que conviver com o fato de que a qualquer momento esses vícios podem vir a derrubar novamente meu pai, fazendo com que tudo o que foi prometido hoje seja esquecido.

Sou muito boa em cozinhar, admiro muito gastronomia e não passo vontade ou fome. Desde pequena meus pais, principalmente meu pai, me ensinam o que sabem sobre cozinha.
Consigo me virar com qualquer coisa que acho que aqui nos armários de casa e todos que comem minha comida dizem gostar. Me orgulho muito disso.

Assistindo: H2o: Just add water.
Não riam, amo muito essa série desde os 8 anos.





Tag - Art
Loading ...