Avatar dreaming_with_u

Simplesmente AMO-TE

Olá meu amor enorme!

Decidi escrever-te para te demonstrar o quanto eu te amo paixão.
Quero que compreendas princesa que tu de facto és uma verdadeira Princesa. És o meu encanto, o objecto da minha adoração. És a única pessoa que mesmo quando me “móis” a cabeça e discordas comigo, eu continuo a amar imenso. Gostava que compreendesses o quanto eu te amo. Que percebesses de facto a dimensão do meu amor por ti. O meu mundo é dominado por ti amor.
Adormeço a pensar em ti. Sonho contigo e connosco. Acordo a pensar em ti. És a primeira pessoa a quem digo bom dia (às vezes nem vejo bem as teclas). Durante todo o dia penso constantemente em ti e em nós, faço planos para a nossa vida a dois. Planos que por vezes não concordas, ou achas não muito fiáveis. Eu adoro imaginar a nossa vida bem juntinhos. Sei também que às vezes vivo demais as minhas ideias e depois fico “desiludido” quando as coisas não correm como tinha pensado. Contudo, eu amo-te imenso e quando um plano não corre tão bem eu arranjo outro e mais outro. À noite continuo a pensar em ti, nos teus trabalhos, nos teus problemas (que ao serem teus passam a ser meus), nas tuas dúvidas, nas tuas certezas, nas tuas desilusões, em tudo que te concerne.
Quando começámos a namorar dizias que quando te despedias de mim que subias as escadas a correr para me veres partir. Eu quando venho embora de tua casa venho o caminho a pensar nos momentos que passei contigo, no teu belo sorriso, no modo como me fazes imensamente feliz, na maneira como me tornei dependente do teu ser. Às vezes tenho tanto medo. Medo de te perder. Ao longo destes dois anos e praticamente cinco meses tornei-me de tal modo dependente de ti que me assusto. Vivo em constante sobressalto com a possibilidade de te perder. Agora que trabalhas no colégio com professores novos tenho medo que arranjes outro melhor que eu…Até podem ser medos estúpidos e infundados, mas estão lá. Eu queria que soubesses que sou imensamente louco por ti amor. Mas voltando a ideia que queria transmitir….Quando venho embora da tua beira venho de tal modo fora do carro que muitas vezes não me recordo do caminho para casa, já cheguei a passar a mais de noventa nos radares, nem me lembro dos carros patrulha que está na saída do gaiashops. Tu és a minha vida amor de verdade que és.
Sei que tenho muitas falhas enquanto namorado. Desiludo-te muitas vezes. Há ocasiões em que quero fazer-te tantas coisas. Mas, o medo de te desiludir não me deixa actuar e acabo por te desiludir à mesma.
Ambiciono que um dia percebas como o meu amor por ti é imenso. Eu contigo por muito magoado que esteja, quando tenho razão numa zanga, quando erro, eu tento sempre fazer as pazes contigo. Não consigo estar mal contigo por muito tempo, prefiro engolir sapos a não te ter. A minha vida sem ti não é nada. Tu comandas o meu sonho. Por vezes nem acredito que te encontrei amor. A minha vida mudou tanto desde que te conheci. Mudou para melhor. Tu ajudaste-me a crescer muito, embora continue infantil. Foste tu que me mostraste que valia a pena amar de verdade. Eu sei que tu me amas muito, ainda que tenhas uma forma diferente da minha de o demonstrar. Por ti amor dava a minha vida sem hesitar Tu és a mulher por quem esperei e sofri tanto tempo. É contigo que quero envelhecer e realizar os meus sonhos e os teus. Mesmo aqueles em que não depositas fé alguma (como ter a autocaravana e as duas casas). É contigo que quero descobrir o mundo, fazer as nossas viagens loucas. Preciso de ti no fundo. Preciso de ter o sorriso que me fez sorrir. Aquele sorriso da foto do meu telemóvel. Foi aquela fotografia que me estremeceu, que fez com que o meu estômago ficasse estranho, com borboletas. Foi a foto que me levou a pedir a tua amizade. Amo o teu sorriso. Amo o modo como ele me tranquiliza, como faz desaparecer todas as minhas inquietações. Amo-o porque sei que é a expressão da tua felicidade. Eu só sou e serei feliz quando tu estiveres. Preciso de ti feliz para também eu estar feliz.

Amor que tanto me faz falta,
Estares assim tão longe de mim
Não podia ser mais que funesta resulta
Castigo por demais ruim.

Castigo enorme que em causa dano.
Momentos de sofrimento
Que me deixam insano,
Por viver tal tormento.

Nessas alturas preciso duma imagem.
De algo belo e divino.
Do teu sorriso, essa miragem
Pela qual alucino.

Por isso canto o teu sorriso,
E pelo brilho dos teus olhos suspiro.
É de ti que eu preciso,
É por ti que eu respiro.

És a minha maior dádiva,
O meu maior tesouro.
A Felicidade superlativa,
O meu futuro vindouro.

Amo-te imenso amor beijinhos doces como tu




On September 10 2009 807 Views





Tag - Style
Loading ...